Quando falamos em colágeno, geralmente, a maioria das pessoas pensam em beleza e jovialidade, afinal é comum encontrar no mercado diversos produtos a base de colágeno e que prometem saúde para pele, cabelos e unhas. Além da beleza, você sabia que o colágeno também está relacionado aos nossos ligamentos e tendões?O colágeno é uma proteína que tem como principal função proporcionar sustentação às células e mantê-las unidas. É o principal componente proteico da pele, de ossos, das cartilagens, dos ligamentos e dos tendões. O colágeno é responsável pela elasticidade da pele, pelo tônus muscular e pela vitalidade dos cabelos e unhas.

Presente na camada da pele chamada derme, o colágeno funciona como âncora que sustenta a camada externa da pele, a epiderme. Por esta razão, a carência de colágeno faz a pele perder a sustentação e formar rugas.

Além dos prejuízos causados à pele, a baixa produção de colágeno acarreta em flacidez dos músculos e aumenta a fragilidade dos ossos e ligamentos.

Produzido pelo próprio organismo humano desde o nascimento, o colágeno passa a ser produzido em menor quantidade quando entramos na fase adulta, ou seja, por volta dos trinta anos. Estima-se que após os trinta anos de idade o organismo perde 1% de colágeno ao ano e a partir da menopausa sobe para 2% de perda.

Em comparação aos homens, as mulheres sofrem mais com a perda de colágeno pois naturalmente possuem menor quantidade desta proteína no corpo. Além disso, com o avanço da idade, ocorre diminuição de estrógeno no organismo feminino, o que prejudica ainda mais a produção de colágeno.

O organismo precisa estar em bom estado de saúde e nutricionalmente equilibrado para produzir e absorver o colágeno adequadamente, já que a síntese desta proteína é feita no organismo com base em aminoácidos, vitaminas e minerais.

Para promover um bom estado de saúde é de extrema importância manter hábitos saudáveis, tais como, ingerir de forma variada alimentos frescos, naturais e ricos e nutrientes, além de evitar hábitos prejudiciais a saúde, como: o tabagismo, o excesso de alimentos industrializados e de baixo valor nutricional, o estresse contínuo e as noites mal dormidas.

Em relação a boa saúde da pele, é importante evitar exposição ao sol em excesso e por longos períodos e adotar o uso diário de filtro solar, mesmo em dias nublados.